segunda-feira, 20 de agosto de 2007

Mais uma letra...

Ela Não Disse Nada

Ela não disse nada
Ela brincou com os vãos
Entre as palavras
E se mandou

Ela não disse nada
Nem sim, nem não
O vazio que se projetou da sua boca
Fez calar tudo ao redor, como uma oração

Ela não disse nada
E agora quem caminha em silêncio
Sou eu
Carregando no peito o estandarte da mudez
Sem nada no peito para bater

3 comentários:

raul disse...

...não disse é nem vai dizer, isso é que dói...



...êta vida amargurada...

Alves disse...

Tenha esperança,velho!
Eh,eh!

---------------------------------------------------- disse...

Putz.

Soco ...

(Sem nada no peito p bater ...)
Abraço.